sábado, 31 de janeiro de 2009

Música da semana: PM Dawn...

Sempre achei muito interessante esta versão de "True" dos Spandau Ballet, feita pelos PM Dawn num estilo lovely-soft hip-hop muito agradável.
Estávamos noutro tempo... era o inicio da década de 90.

PM Dawn "Set Adrift On Memory Bliss" (1991)


Sem nenhuma razão específica... esta é a MusicaDaSemana.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Balanços de 2008: filmes singulares...

Uma pequena amostra de alguns filmes que aqui o vosso escriba, mais apreciou e achou dos mais singulares... e em consequência disso, também dos mais interessantes do ano. E com isso os melhores de certa forma...

Fica aqui a minha lista:


O (meu) filme do ano!

Como é resultante de um género desprezado, os super-heróis, muitos não conseguem ver nele algo mais do que essa condição.

Este é também o melhor filme de 2008 porque funde na perfeição todos os interesses da indústria, do cinema, da critica e do público.







O outro grande filme do ano... e também traído pela sua condição de "filme de animação".
Estamos perante um caso onde subtilmente se consegue fazer homenagem a um certo cinema clássico já perdido nos dias de hoje. Ter sido feito em animação 3D é apenas um dos detalhes menores.
É caso para pensar também: Como se entende na generalidade que os filmes de animação são para criancinhas... então as crianças têm direito a filmes melhores que os graúdos?
Uma pérola magnífica!
Não misturem é, este filme irrepreensível da Pixar, com outros filmes de animação como o "awesomeness Kung Fu Panda", "Bolt", etc.



Um outro caso de filme de super-heróis, tratado como deve ser: um regalo de prazer!

Estamos perante um outro tipo de super-herói que na verdade é credível (tal como em Batman, não estamos na presença de alguém com super-poderes ou um ser evoluído geneticamente - é apenas um homem comum dentro de uma "máquina"). Como pouco badalado herói, não faria crer que daqui resultasse o "filmaço" que é.
E o actor que lhe dá "vida" (Robert Downey Jr) arranca um soberbo Tony Stark que não se vislumbrava nas páginas das BDs (que muito li).





Uma abordagem única a um tema, daqueles que resultaria em algo a desprezar não fosse J.J.Abrams (o mesmo criador de séries como Lost e Fringe) ter trocado as voltas ao conceito dos filmes de pânico e destruição em estilo de filmagem da realidade, e com a sua forma única, nos entregar um filme bem á altura dos tempos YouTube. Imaginem o famoso "The Blair Witch Project" (Verdade ou mentira? ...eh, eh,eh!) e estaremos perto do que se passa neste filme magnífico.
Mesmo depois de visto, ficamos na situação de nos perguntar a nós mesmos o que é que se passou afinal. Tudo porque não temos nem um antes nem um depois mas sim apenas o sucedido... e muitas perguntas sem resposta.





Incompreendido pela critica por não interiorizarem a estética da animação que o origina. Este é um filme que um dia servirá de análise da quantidade de savoir-faire... precisamente por não haver outro filme onde se basear (para apartir desse exemplo depurar a estética).
Visualmente massivo, estonteante, hiper-colorido... e único pois não me recordo de mais nenhum filme semelhante a este.
Os manos Wachovsky (os mesmos de Matrix) conseguem fazer aqui um novo ponto zero de estilo e é como se dissessem ao mundo:
Agora façam melhor... que até queremos ver!
Recordo que a trilogia Matrix continua sem paralelo.



"Mamma Mia"
Este filme não é sobre uma habilidosa qualquer de nome Mia... isto se apenas se prestasse atenção ao nome do filme. É sim um saboroso musical baseado nas canções dos ABBA, conseguindo a proeza de não ser como os normais musicais do costume (este não aborrece).
Um daqueles casos improváveis de sucesso que só se vislumbra depois de visto com aquele sorriso inocente no rosto.
Conseguiu ainda uma outra proeza: voltamos todos a ouvir os ABBA e em todo o lado... até na PlaySatation (no "jogo" SingStar dedicado aos... ABBA!). Ahh pois é!





"Sex and The City - The Movie"

Consegue a proeza de depois de visto o filme, fazer renascer a vontade de rever tudo o que aconteceu antes nesta famosa série. A série já era invulgarmente boa no seu género e quando terminou, o quase happy-end não daria a entender que ainda existiriam mais peripécias a viver às personagens.

Passa para lá das vulgares comédias românticas ou dos filmes só para mulheres... e deixa um verdadeiro good-feeling quando termina. Por favor, venham mais continuações assim, ok?
Ahh... e recomendo verem na versão extendida (é longa sim mas melhora a história).



Há muitos outros que foram bem porreiros (Hancock, até mesmo o Rambo 4) e outros que desiludiram ou que não estiveram á altura da espectativa (Hulk, Indiana Jones 4, etc). E como nestas situações a memória é sempre curta... devem faltar alguns que mereciam honras de aparecer na lista. Mas é o que se consegue agora...

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Regule um volume máximo para o iPod ou iPhone...


O JN na sua edição de ontem alarmou sobre o problema de a "geração MP3" passar imenso tempo a ouvir altos volumes de som com os seus leitores digitais e que esse facto poderá conduzir à surdez de 10 milhões de jovens europeus.

Na verdade, o JN até limita o facto apenas ao MP3... e no artigo do blog "Aberto até de Madrugada" já mereceu o reparo á altura... mas todos nós entendemos bem ao que se estão a referir.

Não é só ao leitor mp3 mas sim a tudo o que reproduz altos níveis de décibeis e que nos dias de hoje se tornou moda recorrente ver a juventude e não só, com os fios (dos auriculares) a saírem dos ouvidos. Leitores digitais, será o termo mais abrangente na actualidade e isso inclui todos os iPods e leitores semelhantes de conteúdos digitais, telemóveis reprodutores de música (o iPhone inclui-se nesta categoria), etc.
A verdade é mesmo essa: ouvir em níveis de som exageradamente altos provoca danos na aparelho auditivo.

Muito se tem criticado os iPods por esta nova situação grave. Contudo, aponta-se o dedo ao iPod porque ele representa com toda a virtude esse segmento, quando na verdade a Apple dotou o iPod e o iPhone, duma característica para evitar esses mesmos danos.
Apesar disso, como muita malta não verifica as settings todas, esta funcionalidade acaba por passar despercebida, pouco entendida e não a activa... mas está lá (Volume Limit) para a saúde dos nossos "ouvidinhos".


Fica aqui uma dica para os leitores Apple:
- Abrir a setting "Volume Limit", acerta-se um volume máximo a gosto (tipo pelos 80% da barra de volume) que o leitor pode reproduzir e depois num daqueles momentos em que queremos ouvir muito mais alto, na verdade não chega a ser nunca o máximo de reprodução do leitor Apple.
Esta característica foi desenvolvida pela Apple (há muito tempo) para minimizar esse problema. Verifiquem.

Penso que grande parte dos leitores da concorrência, incluindo os telémóveis, não têm essa capacidade de limitar o nível máximo de volume. Os da Apple têm...

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Séries de regresso... Dexter no FX


O "nosso" psicopata favorito da actualidade, um lobo disfarçado de cordeirinho inocente, refiro-me a Dexter, obviamente, está de regresso ao canal FX nacional, com a recente 3ª temporada, que inicia já hoje às 22:45h.
Curiosamente, ao dia 28 (o mesmo dia escolhido nos EUA mas à 4 meses atrás)...

DEXTER (3ª T)

Um dos maiores motivos cativantes desta série subversiva, entre tantos detalhes (e para não falar que trabalha ironicamente para a policia...), é a voz-off de Dexter quando este pensa no que irá ou terá de fazer. E tem cada pensamento... :-)




Já agora, não estão demais os posters promocionais da 3ª temporada, com as falsas capas de revistas?

NBS Nightly News com Ted Phillips, em Março de 1970

Só vendo o video com atenção é que se percebe do que é que se está a falar... eh, eh, eh!



Está demais esta campanha invulgar de promoção.
Se ainda assim não perceberam do que me estou a referir... vejam aqui.

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Até arde os olhos...

...as "cebolas" latinas!


E para muitos, até fará voltar as dores de pescoço ao olhar tanto para cima. :-)



Campeão até na primeira volta da Liga há 7 anos.
É o maior e mai'nada!!!


Imagens retiradas do jornal 24Horas.

E finalmente: Videoclube... na Zon Box!

Ora aí está finalmente o passo que faltava para os serviços da Zon Box estarem completos:
ZON TVCabo Videoclube

Quem conhece bem a ZON Box sabe que existe nela um item que não funcionava... até agora (mais ou menos).
A comparação Zon vs Meo, perde agora mais uma razão de diferença, pois afinal o serviço de aluguer de video ficam semelhantes. Pode se assim alugar qualquer filme disponível a qualquer altura e ver ser vistos de imediato por 24 horas (parar, rever, etc - só não podem é ser gravados pela Zon Box HD+DVR).


O filme é alugado e o valor é cobrado depois na factura mensal.

Podem ser alugados filmes, documentários, concertos, séries e até ver os programas dos 4 canais nacionais até 7 dias antes (óptimo para não perder as novelas todas, os telejornais, etc). Existem ainda vários conteúdos em formato HD também.

O funcionamento é simples e ainda bem! É escolher o filme, alugar, introduzir um PIN e zás.

Para já apenas funcionará nas zonas de Lisboa e Porto.

Desconfio que vai haver sustos ao olhar para a factura ao final do mês...
A ideia é boa mas acho que chega tarde... afinal, já se instalaram outros hábitos mais baratos (0€), não é?
Mas prontos, sempre fica finalmente a par do Meo neste aspecto.

Ainda não há valores do custo de cada aluguer (estes são informados na Zon Box) mas a julgar pela tradição TV Cabo, os preços devem ser os mesmo do Video-On-Demand da PowerBox (cerca de 4€ cada - na verdade, num verdadeiro videoclube o valor é mais baixo -).



Saiba mais no site da ZON ou ainda mais interessante podem ver a demonstração no site Zon Box HD+DVR Demo.

Esperemos é que tornem o funcionamento do Mosaico mais correto (e não uma janela com um video da PowerBox a passar os canais, sem a possibilidade de poder seleccionar no momento um canal interessante que passe no Mosaico).

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Maratona de filmes Star Trek no TVCine3

Noticia para todos os Trekkers (e não só):
Os canais TVCine vão exibir os seis filmes Star Trek, os tais ainda com a tripulação (desculpem elenco) original da série da TV.


Desfilarão todos diariamente no TVCine 3 ás 22h, de 26 a 31 de Janeiro.
Só o primeiro é já um clássico absoluto da ficção-ciêntifica... e mai'nada!
E aquele som do genérico inicial então...

Ora aí está uma oportunidade excelente para rever a saga de Cap. Kirk, Spock e, claro, a mítica nave espacial "Enterprise" original.


Muito oportuno rever a saga original, nesta fase tão próxima da estreia do reboot orquestrado por J.J Abrams para este ano de 2009 (que promete ser bem pujante).
Uma das coisas boas do TVCine, é que se perderem algum... eles voltam a ser exibidos. E depois há a Zon Box HD+DVR também para os gravar quando estes passarem em alturas menos próprias...

Nomoon

Um estúdio de design de Paris de seu nome Nomoon, delicia-nos com um vídeo de todo fabuloso.



Descoberto aqui.

domingo, 25 de janeiro de 2009

1984

Foi assim há 25 anos atrás e nunca mais nada foi o mesmo...



Saiba mais sobre este video aqui.

sábado, 24 de janeiro de 2009

Musica da semana: Anyone Else But You... o tema de "Juno"

Cometi a proeza de nunca ter falado sobre o filme "Juno", aqui no meu espaço (pensando bem... de muitos outros também).


Na verdade, é um maravilhoso filme sobre uma situação que se pode deparar aos adolescentes (todos nós, os adultos, já fomos teens também... e o medo...) mas que faz uma abordagem sem julgar ninguém e sempre de forma até desarmante.
Ellen Page, a jovem actriz esteve realmente excelente em todo o filme e convence-nos, ao criar aquela personagem ainda de comportamento e gosto tipicos de uma jovem mas muito forte e determinada no que quer fazer com a sua situação. Quem viu o filme sabe do que me refiro (é preciso coragem... até mesmo para os pais dela -como puderam deixar ir?).

Um dos pontos que mais me marcou ao ver "Juno" é precisamente o seu final, ou melhor, a forma como termina o filme: com uma canção indie/folk fabulosa cantada pelos próprios actores e sem grandes artificios.
A sério: FA-BU-LO-SA!!!
Daquelas que ficam na cabeça por muito tempo depois de visto o filme.
Apreciando novamente sente-se o tom do filme até...e é com ela que faço o meu destaque semanal!

Michael Cera e Ellen Page "Anyone Else But You"


sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Os nomeados aos Oscars...

A esta altura, já toda a "malta" por aí na rede global opinou sobre as nomeações para a 81ª edição dos Óscars.

Não pretendo fazer avaliações à séria mas indo directamente ao assunto, o esperado aconteceu: Heath Ledger foi nomeado para Melhor Actor Secundário e "Wall-e" para melhor filme de animação. Houve justiça nestes pontos e maior será ao serem galardoados também.

Agora o que não aconteceu, e era nesse ponto que muita gente e eu inclusive sentia expectativa, foi ver "The Dark Knight" a concorrer na categoria de melhor filme. Não foi mesmo! WTF!!! Teve 8 nomeações mas não a que realmente importava mais.
Aqui acho que foi feita uma enorme injustiça, não só perante o filme mas também perante os milhares de pessoas pelo mundo que correram para a sala de cinema para o ver.
Muitas só foram ao cinema em 2008 uma vez e foi para ver esse filme.

Quer-se que as salas de cinema tenham gente dentro mas não se recompensa o TDK pelo feito de arrastar massas de gente e de ser um FILME a sério, que é mais do que realmente parece (é traido pela sua condição de "filme de super-heróis") e não uma qualquer aborrecida-pasmaceira-insuflada-de-grandiloquência que habitualmente é nomeado...
E depois iria ser feita história ao ver um "filme de super-heróis" pela primeira vez concorrer de igual-para-igual com os outros filmes "normais".

Até aceito a resistência em admitir o "Wall-e" noutra categoria que não a da animação ("Wall-e" é seguramente a maior homenagem à História do Cinema que 2008 recebeu - mas traido pela sua condição de ser animação).

Olhando para a lista dos Óscars, acho que actualmente as categorias são poucas e pouco segmentadas até. Existem tantas vertentes ignoradas pela Academia mas que mereciam pelo menos uma ou duas categorias para os englobar. Acho que ganhavam muito se tivessem algo como "Melhor Filme de Acção" e "Melhor Comédia".
Afinal, se já existe "Melhor Animação", porque não mais categorias?

Mas enfim, a Academia é assim mas deveria evoluir e acompanhar o que realmente se passa no mundo do Cinema e não se amarrar a conceitos que foram adequados à muito tempo atrás mas que nos dias de agora são para mim questionáveis.

A lista podem-na consultar no local oficial dos Óscars 2009. Clique aqui.

Apple: recentes news...

Ao mais puro estilo CNN, aí vai:


AppStore: 500 milhões de downloads!!!

A prova que o modelo de distribuição de aplicações para o iPhone e iPod touch, é acertada.
Foram já descarregadas 500 milhões de aplicações... e continuam a contar.



MacBook "branco" melhorado...

Ora aqui está uma situação inesperada: a Apple melhora as características do MacBook branco, o modelo da geração anterior do famoso MacBook, para venda e a um preço e características que farão imensa gente pensar duas vezes, antes de avançar para os modelos mais recentes.
E este tem algo que os mais modernos não têm: FireWire!
Um Mac tão valente como este e abaixo dos 1000 €... é sempre uma excelente opção.
OK... os mais recentes são mais bonitos e tal mas este... continua bem fixe!




Software iWork sem medidas anti-pirataria...

Ao comprar a suite iWork '09 em caixa, notará que ao instalar este já não pede um número de série.
Mas se decidir descarregar a versão trial, pelo site da Apple, e decidir ficar com ele, portanto pagando, aí já pedirá o número.
Uma boa ideia sim.


Actualização de QuickTime...

Versão 7.6... melhoramentos e mais estabilidade de funcionamento e tal. Como sempre... é instalar e mais nada!



Resultados históricos...

A Apple apresentou os seus resultados relativos ao 1º trimestre fiscal de 2009 que terminou a 27 de Dezembro de 2008.
E são os melhores de sempre!

(Dados via MacNews)
Em caixa, a Apple orgulha-se de ter neste momento 28.1 mil milhões de dólares.

- Foi ultrapasssada a barreira dos 10 mil milhões de lucro e um novo record de vendas de iPods.
- 2.5 milhões de Macs, o que representa um crescimento de 9% face ao mesmo trimestre do ano anterior. 34% de crescimento nos portáteis e queda de 25% nos desktops, o que pode ser revelador de uma mudança de hábitos.
- Foram vendidos 22.7 milhões de iPods, um novo record. Quota de mercado dos leitores MP3: EUA, Reino e Austrália; 60% no Japão e 50% no Canadá. iTunes tem o melhor trimestre de sempre.
- No último ano, venderam-se aproximadamente 13.7 milhões de iPhones, ultrapassando a barreira psicológica dos 10 milhões. Mais de 15.000 aplicações disponíveis na App Store e mais de 500 milhões de downloads.





Server Admin Tools melhoradas...

As "ferramentas" para admnistrar um Mac OS X Leopard Server remotamente foram actualizadas.
Mesmo que estejamos a 1 metro do server... dá sempre jeito!


O primeiro Mac lançado para o mercado faz 25 anos...

Foi a 24 de Janeiro de 1984 e a verdade é que o conceito ainda permanece no todo-em-um iMac, demonstrando que Steve Jobs estava certo com o seu conceito de computador.
Já tinha rato e tudo mas o mais fantástico era o sistema operativo, que mesmo com as enormes evoluções até aos nossos dias, continua inconfundível. 

Parabéns Apple Macintosh 128k!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Séries de regresso...

Séries de regresso:

"Battlestar Galactica" (continuação da segunda parte da 4ªT de BSG);


"Lost" (5ªT)
Já publiquei observações sobre o último episódio da temporada anterior. Clique aqui.


"Big Love" (3ª T);


...e também "Kyle XY" (3ª T).

Só para enumerar algumas que adoro...

Outras, que também adoro ou sigo, já regressaram da paragem de Dezembro...

Fringe (para mim a mais entusiasmante e melhor série do momento -uma surpresa!);
e também Smallville (que está magnífica na 8ª T), Desperate Housewives, Knight Rider, etc...



iPhone como uma consola de jogos e ligado a grande TV

Promissor, hã?



Assim, desta forma fará imenso sentido se numa próxima revisão ao iPhone (um futuro novo modelo), este se torne um dispositivo HD. Principalmente, com gráficos de maior resolução e com saida TV Out em formato HD (pelo menos HD ready) para este efeito de ligar a TVs...

Terá o iClub acabado?

Caramba, que os dois últimos artigos do iClub foram editados respectivamente há 4 e 6 meses.
Assim não vale a pena continuar a visitar este site, que era muito interessante sim...
...mas que desde que se relegou a longos períodos de inactividade me fez decidir que merece ser abandonado e contar com uma visita de meio em meio ano só para saber se ainda existe.
E ainda fui ajudando com alguns destaques para artigos de lá...

O mais engraçado agora é que serve para relembrar o que se passou há 6 meses e tal atrás...

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Obama e mudanças no site da White House...

Barack Obama, herói!!!

O mundo tem imensa esperança em Obama, pois este 44º presidente, que acabou de tomar posse, é finalmente uma lufada de ar fresco americana quando o mundo já não esperava (adeus ao estilo triste de Bush governar).

De Obama espera-se mudança para muito melhor e acho que só isso já é uma tarefa bem difícil aos ombros de uma só pessoa. Até porque mudar a América significa mudar o mundo também... e há tantos interesses instalados que serão duros de erradicar ou alterá-los pelo menos...
Obama terá de ser super nos próximos 8 anos e isso não será fácil! (foto tirada daqui)


E por fim, umas palavras minhas sobre o factor étnico de Obama...
Até então era pretos para aqui, pretos para ali, esses gajos só querem música e boa vida, não são inteligentes, etc.
Martin Luther King, mostrou que a "raça negra" não é assim ao dar voz ao nosso povo sempre relegado ao segundo plano.
Somos seres humanos iguais a todos os "brancos", com outras raízes ou outros costumes, mas seres humanos iguais.

Hoje todo o mundo deposita toda a sua esperança num afro-americano... e essa é a maior das ironias entre povos. Novamente Obama terá de ser super pois se der para o torto não será só a ele que serão apontados os dedos...

Martin Luther King, o passado.... Barack Obama, o futuro! (foto tirada daqui)

Hoje duas frases juntas passaram a fazer novo sentido:
"I have a dream"... "Yes, we can!"

Olho para a abertura da América e penso em Portugal. Seria positivo termos um político a surgir duma situação idêntica à de Obama. Um luso-africano?!
"I -still- have a dream"...


O site da White House

Uma outra mudança para já bem evidente é a categoria do actual site da Casa Branca quando comparado com o existente quando Bush iniciou o seu mandato lamentável.
As imagens seguintes ilustram bem a diferença (retiradas daqui).

Antes...


Agora...

Take #11 já online

A edição 11 da Take - Cinema Magazine, a revista on-line sobre o mundo do cinema, já se encontra disponível.
Podem consultar gratuitamente no local habitual ou descarregar por PDF...

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Celebridades com produtos Apple

Não há dúvida que os produtos Apple atraem as celebridades do mundo do espectáculo e que estes não se fazem rogados de os expor em público. Neste artigo, fica aqui uma pequena amostra.

O mais notado tem sido obviamente o iPhone...

Rose McGowan

Christina Ricci

Jennifer Love-Hewitt

Hillary Duff

...mas também lá aparecem os famosos MacBooks!

Michelle Rodriguez e Jessica Biel