quarta-feira, 8 de setembro de 2010

De mal a pior... muito pior mesmo!

A nossa Selecção Nacional de Futebol parece que está mesmo a bater no fundo desta vez.


Tanta confusão a respeito de Carlos Queirós, os castigos que já levou de uma situação que não me parece tão grave assim (dizer uns palavrões é também falar português) e a sua continuidade ou não como seleccionador.
O pior de tudo é que a equipa tem piorado em demasia e apresentado exibições lastimosas.
Agora até já parece que a selecção tem um outro "Roberto"...


A Federação Portuguesa de Futebol tem feito a "cama" ao seleccionador no sentido de o despedir por justa causa, ficando assim na posição de não ter de o remunerar. No fundo, estão a usar estratagemas "polvianos", não fosse esta constituída por ilustres como Gilberto Madail ou Amandio Carvalho.

Tudo corre nesse sentido para se verem livres de Carlos Queirós, num processo que tem revelado que a FPF dev esssa sim de ter umas estruturas internas questionáveis.
Eu questiono-me se ao invés de despedirem o Carlos Queirós se não deveria ser toda a administração da FPF que deveria ser despedida. Era por aqui que bateria palmas ao gajo do Ministério do Desporto se a democracia também chegasse á FPF. tendo sempre os mesmos nunca nada irá mudar realmente.
Mudará só o "bombo da festa"... e já se pede o Paulo Bento.
Deve ser só para a continuação de mais desastres apenas...

2 comentários:

Nasp disse...

Isto agora começa a ser uma mer.. as contas para o apuramento.

Puxa ai da calculadora :)

ArmPauloFerreira disse...

Podes crer! Mal arrancam na prova e já sabemos ter de de fazer contas como sempre. E temos dos jogadores mais badalados...