quarta-feira, 20 de julho de 2011

OS X Lion... hoje fica disponível!


Para facilitar a coisa por estes lados, nada melhor que escarrapachar aqui a noticia muito bem sintetizada da Exame Informática (incluindo a foto):

"A data de lançamento foi confirmada ontem por Peter Oppenheimer, diretor de Finanças da Apple, que pôs desta forma termo aos rumores que costumam gerar-se em torno das datas de lançamentos dos produtos da "maçã".
De acordo com a Computerworld, o Lion tem como requisitos técnicos a existência de um computador Mac com processadores Intel que podem ser Core 2 Duo, Core i3, Core i5, Core i7 ou Xeon; e ainda um mínimo de 2GB de memória.
É ainda exigida a versão do Mac OS X 10.6.8 (Snow Leopard) na máquina que vai fazer o upgrade.


O novo sistema operativo apenas deverá ser distribuído através da Mac App Store. Em Portugal, o novo Lion está à venda por 23,99 euros."

Portanto, apartir de hoje há um novo sistema operativo Apple para tornar os Macs ainda melhores do que são. Há com o Lion um salto de evolução, que agarra o que seria apenas do futuro. O Lion faz ainda a ponte entre OS X (Macs) e iOS (iphone, iPad...) e vai ser muito interessante sem dúvida. A Apple, soube conduzir as vias todas para este momento que assinalará uma nova fase de uso da informática. Basta ponderar um pouco sobre a estratégia composta por OS X Lion + Cloud + iTunes + App Store + iOS, que se tem um vislumbre que a Apple não só já colocou no terreno os dias que seriam para amanhã, como se encontra já a competir noutro campeonato que a concorrência ainda nem sequer o preparou. É admirável o alcance da visão da empresa liderada por Steve Jobs.

Contudo, a Apple com o seu "esquema App Store", que retira uma parte da pirataria da equação, pode muito bem ver a adopção ser algo lenta a inicio. Ainda há também quem não encare muito bem ter de usar o cartão VISA, ter de ter uma conta com ele agregado e ainda por cima fazer um download tão gigante de vários Gigas. Mas este é o futuro... e vai ser não-fisico. Descarrega-se da cloud e não há cá DVDs e semelhantes.
Este é um "leão" que vem do futuro... e chega hoje!

3 comentários:

Anónimo disse...

O que é preciso é perceber é se esta evolução não acaba depois por ser mais um tiro no pé para quem faça o upgrade digamos por ex num core duo 2 de há 2/3 anos atrás. Normalmente a Apple é esperta em "sabotagem" criando a "necessidade" de novo hardware. Veja-se os casos dos Ipods touch/iphones 2g. Chegou a um ponto que os novos updates/upgrades deixaram modelos saídos há 1 ano e meio à beira da obsolência (hiper-consumo de bateria com wi-fi ligado). Veremos se com Lion muitos não sentirão depois que estavam mais à larga com o Snow em termos de recursos e velocidade.

ArmPauloFer disse...

Isso irá acontecer. A Apple nunca se preocupou com esses danos colaterais porque é uma empresa que existe para também ter vendas.

Nos anos 90, um Mac comprado durava 10 anos sem problemas. Nos dias de hoje podem não ter problemas mas o evoluir dos sistemas e aplicações exigem sempre mais e fazem com que o equipamento pareça uma nova porcaria e depois existe os site a agravar ainda mais esse aspecto psicologicamente.

Mais aqui: Apple: o factor novidade -vs- o que temos... (tech life is a bitch!)

Anónimo disse...

Pois, e tendo em conta que o Snow Leopard tem exactamente três anos é uma "obsolência" forçada. Desde essa altura a memória instalada são os mesmos 4GB, os processadores é que evoluiram um tanto mas não assim muito. Aliás não há assim tecnologia no Lion que pareça puxar bem mais pela máquinas.
Também tendo em conta que para ter o Lion teria de ter a pescadinha no rabo na boca quanto a instalações nem penso muito no assunto. Isto porque em cima do original Leopard teria de instalar o requerido Snow Leopard (que saiu mal comprei o meu Mac e teve direito "gratuitamente" a ele) só para poder ter o Lion. Se ainda fosse vendido como standalone e não como upgrade ainda seria uma vantagem. Desta forma não!