quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Evento Especial Apple 7Mar12: iPad 3 ?

Assim de surpresa, a Apple lançou o mote à imprensa para um evento especial marcado para o próximo dia 7 Março'12 e pelo que demonstra a própria imagem... o facto de estar a fazer um ano desde o iPad 2... acredito mesmo que vem aí o iPad 3!!!

9 comentários:

Ricardo JM Vieira disse...

Esta imagem deixa algumas pistas no ar:

Em primeiro lugar deverá ser mesmo o anúncio do iPad 3.

We have something you "really" have to "see"...

Realmente ver, ou ver realmente; isto poderá querer dizer que vem aí mesmo a retina display para o iPad 3 (falam-se em resoluções monstruosas de 2048X1536!!)

...And touch.

Hum... Quer-me parecer que este novo iPad virá sem botão Home. Será totalmente tátil...

Anónimo disse...

Ah bem, mas não é bem assim, foi tanta a "surpresa" que todos (pelos vistos todos não) já estavam à espera. A Apple sempre foi um tanto previsível e cíclica no calendário dos lançamentos e mesmo tentando manter os segredos francamente não consegue supreender. A excitação mediática essa é que como sempre nunca desce. :)

Aliás nem vai ser um ipad 3 mas sim um ipad 2.5 à imagem do iPhone. Rentablizar o produto com meias-versões é o novo artifício da Apple.

Giro é se lá levasse uma excursão alguns chineses da FoxConn para assistir o evento (empunhado produtos da Apple, emprestados, tá claro) para darem umas entrevistas e jurarem a pés juntos que só vivem numa fábrica porque são uma grande feliz família.

ArmPauloFer disse...

@ Anónimo: E que mal tem a Apple ao fazer isso? Num ano todas as marcas melhoram os seus produtos e a Apple o que faz é susbstituir o existente por novo modelo (ao menos não adiciona e cria a confusão).
Quem não tinha comprado e agora o pensar fazer até se vai sentir beneficiado...

@ Ricardo: Eu acredito mesmo que lhe vão designar por iPad 3. Também tinha notado na ausência do botão principal. O Retina Display já muitos rumores falaram nisso. Será que o iPad vai ter um ecrã com tanta densidade? Era bom realmente mas... e as aplicações será que vão sofrer novamente mudanças para funcionarem em pleno ecrã no novo iPad?
Seja o que for... ainda não será por agora que terei um... mas gostava até!

Anónimo disse...

Caro Armando. Eu não disse que havia algum mal. Eu estou a comentar as suas palavras. Você é que disse que irá ser apresentado um iPad3 e eu como muitos analistas (vem me à cabeça o do NYTimes) pensam que não, que será algo intermediário/refrescamento entre o 2 e 3 como já se passou aliás com o iPhone. A Apple está a "rentabilizar" o nome com versões intermédias porque ao contrário do computadores precisa obrigatoriamente de relançar pelo menos todos os anos o produto para não ficar muito atrás da concorrência em especificações (que os renovam sempre em poucos meses). Ora se o fizesse todos os anos acabaria por aqui a uma década ficar com um inestético e pouco apelativo, gasto (e sem élan) Ipad, Iphone, etc 10. Creio que a Apple não vai deixar passar do 5 e arranjar outra forma de renomear os seus produtos anuais.

ArmPauloFer disse...

@ Anónimo: na boa!
Se este novo iPad tiver modificações significativas, surgir sem botão e ter retina display já é para a Apple uma nova versão e só por isso para a iPad 3.
Agora se tudo for igual e apenas tiver melhorias tecnicas não visiveis... pode ser realmente um iPad 2 S. Não me espantaria...

Anónimo disse...

Eu acho que o "S" para os x.5 veio para ficar por agora.

Não sei, mas acho que a grande "inovação" ou o que eles vão fazer realçar mais é o aumento de bateria. Vi algures que eles estão um bocado mais grossos. O que duvido é haver algo revolucionário ou inovador como fazem normalmente.

ArmPauloFer disse...

Vamos ver o que nos reserva o dia 7 de março... espero que seja bem mais que melhoria da autonomia da bateria. :-)

João Sousa disse...

Quando eles escrevem que "We have something you really have to see", só posso concluir que vão (finalmente) soltar os iPads retina-display que vozes próximas da Apple afirmam estar nos laboratórios há muito tempo. No resto, imagino que processadores mais rápidos, talvez mais armazenamento, enfim: o habitual proporcionado pela lei de Moore e que os cromos habitualmente "banalizam" nos anúncios da Apple - enquanto embandeiram por eles noutras plataformas.

Um iPad mais grosso para ter mais bateria? Eu ficaria extremamente surpreso se fosse mais do que milimetricamente.

Não estou convencido de que retirar o botão físico seja uma boa opção. Em assim sendo, aguardo para ver qual seria a alternativa. A existência do botão físico é uma vantagem para quem não tenha prática na plataforma. Eu próprio vi isso em testes que fiz com algumas pessoas. Estar ali algo obviamente "premível" é um excelente meio para quem está "perdido" retornar à base: "E agora, como... olha, está aqui algo em que posso carregar - vou fazê-lo."

Vou até especular sobre quais serão as reacções pós-evento: os indefectíveis da Apple anunciam que irão para a fila comprar um; os Androidboys vão dizer que é um epic-fail; algumas vozes sensatas vão dizer que é uma excelente evolução, mesmo que não seja uma revolução, mas - porque são sensatas - vão chamar a atenção para a rapidíssima evolução no mercado dos tablets para justificar o facto de já não haver nada de revolucionário a acontecer. As acções da Apple irão descer um pouco, como quase sempre acontece depois do frenesim de especulações pré-evento, e os haterboys vão invocar isso como prova do tal epic-fail - seria interessante vê-los explicar o porquê de as acções da Google também descerem quase sempre depois dos seus eventos.

Na verdade, até acho piada (uma certa piada azeda) quando vejo os sites e fóruns de tecnologia reclamar das "poucas novidades" comparadas com "o que se esperava". Acho piada porque as expectativas frustadas de que esses comentadores tanto se queixam não foram criadas por alguém que não eles próprios, que vão pingando diariamente especulações como "vai ter retina-display", "vai ser mais barato", "vai ser quadcore", "vai haver um modelo de 8 polegadas", "vai ter smell-o-vision". Acho que esta é uma das razões porque abandonei (de novo) a frequência daqueles sites, blogues e fóruns: o constante exercício de hipocrisia e caça-ao-link tão usual naquelas gentes.

E o nome, se vai ser iPad 3, 2.5 ou 2S, assunto que está a excitar tantos? Eu até aguardo ansiosamente o dia em que a Apple (finalmente) deixar de numerar os seus equipamentos iOS, tal como não numera os laptops. No estágio actual dos produtos, acho que já não se justifica e evitar-se-iam situações como no lançamento do iPhone 4S (segundo algumas vozes próximas, 4S = For Steve), em que analistas referiram o absurdo de o relativo "desapontamento" não existir se a Apple simplesmente o tivesse chamado iPhone5: afinal, porquê sentirem-se desapontados com um equipamento mais rápido, com melhor software, com melhores fotografias, e o Siri?

ArmPauloFer disse...

Pois é João!

Para os haters todos os produtos Apple não passam de ser uma verdadeira m... "smell-o-vision".
4S (for Steve)... muito boa essa alusão!

Quanto ao anúncio, acredito que possa já vir com retina display, facto que seria fantástico. Qualquer dia. a este ritmo, vai se exigir o mesmo nos computadores...

O facto da ausência do botão... a primeira coisa que me lembrei quando vi a imagem é que, o iPad poderia estar a ser usado na orientação wide (virado, de lado...) e por isso não vermos o botão. Acho o ter um só botão importante. Tanto podem o tirar, substituindo por um botão sensitivo (como tinha o Cube) como até mesmo ser reposicionado para uma lateral (como o outro botão "mute/etc").
Um dia destes mexi num tablet Android, que não tinha botão e simplesmente achei desagradável. Até me custou a interagir com o aparelho...

A expectativas são conduzidas sim. A fome de ter algo para se dizer como "noticia" é algo que vai ser fazer mexer muitos bits.
Eu já nem ligo tanto na actualiadade. Houve tempos em que lia rumores/noticias todos os dias. Actualmente desisti disso. Espero pelo dia 7... também não vai ser já desta que vou adquirir um iPad.
A verdade final continua a ser caricata: quando o iPad saiu ninguém via utilidade para um tablet. Hoje parece que já servem para tudo. Apresentadores de tv com tablets... quem o diria, hã?