terça-feira, 3 de junho de 2008

Os timings dos upgrades da Adobe

Há já algum tempo que ando a magicar nesta questão sobre o curto espaço de tempo que a Adobe leva a lançar novas versões.

Uma visita ao blogue "Artes Finais", onde já se anuncia o novo Adobe Acrobat Pro, já na versão 9, fez-me pensar ainda mais nesta questão. Como profissional da área, acho interessante quando a Adobe dá sinais de continuar a pensar no pessoal das artes-gráficas de impressão.

No entanto, fico é apreensivo com os timings da Adobe na questão das actualizações do seu software pois se repararmos saem a cada 18 meses. Acho que a Adobe está a usar ciclos demasiado curtos pois nem deixa os seus clientes utilizadores (empresariais e domésticos) ganharem maturidade com o software. Ainda nem dominamos todas as novidades e já está aí outra nova com mais algumas.

Caramba, que nem sempre se pode adquirir o software na hora do lançamento e nas empresas nem sempre o espaço de tempo entre a percepção da nova versão, o decidir comprar e o software chegar… o tempo dos 18 meses torna-se curto! Na práctica quando temos finalmente a nova versão já se está a anunciar a próxima…

A Apple fazia muito isso com o Mac OS X ao inicio e agora o intervalo de tempo entre versões tem sido maior. Penso que a Adobe deveria tirar ilações disso… e nesse espaço de tempo melhorar ainda mais as aplicações.

Assim só resistimos se intervalarmos as versões: CS3 para CS5… Acrobat 8 para 10…
Percebem a ideia?
E na verdade só sentimos com esta atitude uma verdadeira evolução do software. Eu tenho achado as versões novas pouco à frente que a anterior…

Penso que valia a pena, passaram a um ciclo de 24 a 30 meses. Dava tempo para nos estabelecermos com as aplicações, de o mercado se nivelar (terem todos as mesmas versões) e ajudava-nos a rentabilizar mais o software.
É que o profissional destes tempos não pode viver sem ter InDesign, Illustrator, Photoshop e Acrobat. No fundo, a versão base dos Creative Suite da Adobe, denominada como a versão Standard (apartir desta é acrescentado mais software para criar os pacotes mais evoluídos).
Se numa empresa existirem aí uns 5 utilizadores de CS standard e fizer upgrades todos os 18 meses terá contas só com esta suite de software bem avultadas. Isto faz com que as administrações tomem a decisão de não actualizar software pois é um custo pesado. E sabem bem que numa empresa é necessário imenso software para dar resposta a todas as tarefas e normalmente é tudo a doer.

3 comentários:

Nelson gago disse...

Ainda na sexta passada comentei isso com o pessoal aqui da agência. Um deles falou-me que quando o software é comprado até 6 meses antes da nova actualização é feito o upgrade gratuito por parta da adobe... quando solicitado. Mas realmente é uma "obrigação" que só é benéfica para a própria Adobe...

ArmPauloFerreira disse...

Ainda bem que também já notaste o engenho da Adobe. Na verdade estamos sempre em estado de actualização e de upgrades. Tudo o que usamos está sempre a mudar.
Pois é, Nelson, convém "pressionar" o vendedor para não cair no esquecimento... um upgrade é sempre benvindo quando temos direito a ele.

Anónimo disse...

É bem-vindo, benvindo é nome de homem